Bairro da Barreta, Olhão

A reabilitação do bairro da Barreta, em Olhão, não é de hoje nem de ontem. Começou há mais de 10 anos, em parte devido à influência e ao trabalho do Arq.º Filipe Monteiro, quando, então recém-chegado dos Estados Unidos, começou a assinar os projetos de reabilitação das primeiras casas do bairro.

Como ele diz «Aqui, o que eu achei estranho e muito interessante foi esta capacidade de, quando se fez, não ter havido influência nenhuma da envolvente construída: nem de Tavira, nem de Faro, nem de Albufeira... aquilo que podemos dizer da Barreta, e em geral da zona histórica de Olhão, é esta identidade muito fechada, fazer a coisa cubista, que não há em mais lado nenhum no Algarve, é isto que a torna tão identitária, tão diferente de qualquer outro lugar».

A reabilitação da Barreta mostra bem que a renovação dos bairros e centros históricos não tem de passar pela sua descaraterização e que o imobiliário até pode ter a ganhar com uma atitude mais respeitadora das pré-existências.