Forte de Elvas

O Forte de N.ª Senhora da Graça em Elvas foi alvo de uma intervenção com início em 2013 cujo objetivo principal foi preparar o monumento, de uma dimensão muito considerável, para receber diversas atividades culturais. O dono de obra, neste caso a autarquia de Elvas, contou com a estreita colaboração da Direção Regional de Cultura do Alentejo, desenvolvendo-se todos os trabalhos apenas com os profissionais das duas entidades e com uma empresa de conservação e restauro especialmente contratada para o efeito. O que este projeto veio demonstrar foi não só que os bons resultados dependem muito mais das boas opções e de um bom projeto, e não tanto de verbas muito avultadas, como também que uma equipa adequadamente qualificada é a maior parte das vezes quanto basta para devolver a dignidade perdida de um monumento.